Mostrando postagens com marcador Redes Sociais. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Redes Sociais. Mostrar todas as postagens

domingo, fevereiro 21, 2021

Volta ao blog com fotografia

Desde o final de 2020, estamos pouco a pouco voltando a este blog. Como muitos blogueiros e blogueiras, com a expansão rápida e abrangente das redes sociais, entre 2010 e 2015, as postagens em blogs ficaram em segundo plano. Para muitos de nós era difícil, ou mesmo quase impossível, manter nossa presença aqui e lá. Principalmente para aqueles que, como nós, mostram matérias autorais, ou seja, originais.  

Hoje, com as facilidades de compartilhamentos entre as diversas plataformas, fica mais viável a continuação de posts em blogs porque, com um simples clique, nossos textos, fotos, vídeos ou gifs espalham-se pela internet. Assim, Facebook, Instagram, Twitter e demais redes são facilmente interligadas aos sites e blogs. 

Hoje trago fotos postadas no Instagram há alguns anos. Fiz essas fotos nos arredores de Brasília. Para que haja uma continuidade, nesse primeiro momento vamos intercalando postagens inéditas com posts deixados por nós nas plataformas sociais. Que nossos amigos blogueiros se animem a fazer o mesmo, para que conteúdos verdadeiros consigam ultrapassar e derrubar as propagadas e tão perigosas fake news. 

Árvore antiga do cerrado

Nota: Inauguramos, com o post “Volta ao blog com fotografia”, uma nova fase do Multivias, com o domínio.com com nosso nome. Queria deixar  apenas “luisanogueira”, mas não estava disponível. Que essa nova fase traga bons ventos aos nossos blogs. Tim-tim, gente amiga?

————-

Nota: As fotos da árvore são deste blog, de um post de 2012. Confira: https://www.luisanogueiraautora.com.br/2014/01/via-natureza-ceu-paisagens-e-formas-do.html?m=0

—————



terça-feira, junho 02, 2020

Como conversar com um fascista

“Como Conversar Com Um Fascista”, livro de Marcia Tiburi

Sempre releio esse livro da filósofa Marcia Tiburi quando estou a um passo de desistir das redes sociais. E o indico a todos vocês, amigos na mesma situação. Ele me dá forças pra continuar vendo e ouvindo tantas barbaridades. “Como Conversar Com Um Fascista - Reflexões sobre o cotidiano autoritário brasileiro” é um livro que mostra a realidade que vivenciamos através do contato direto ou virtual com pessoas “de-formadas” pelo massacre das ‘des-informações’ a que são submetidas diariamente.

Com uma linguagem simples e muitos exemplos, é indicado a todos - de direita ou de esquerda, que queiram verdadeiramente não caírem no enredo de ódio que nos cerca por todos os lados. Um ódio que cega, massacra e transforma pessoas em seres quase sem alma, afastando-as de amigos e até mesmo de familiares por simples diferenças de pensamento, seja político, religioso ou qualquer um outro.

#livros #filosofia #filosofiadevida #filosofiaprática #filosofiadivita #marciatiburi #livro #livros #pararefletir #lerebomdemais #lerfazbem #leitura #leituraeduca #leituraatual #lerajudaapensar #lerajuda #informação #lereomelhorremedio #comoconversarcomumfascista #fascismo #cotidianobrasil #reflexao #reflexoes #parapensar #parapensarerefletir #gentilezageragentileza #naturezaemfotosluisan 

———-

Escrevi esse post em julho de 2018 para minhas redes sociais. 

————









 



terça-feira, setembro 16, 2008

Via Vida: Interneteando

Meios de Comunicação


Os meios de comunicação, principalmente a Internet, fizeram acontecer as previsões de McLuhan. O mundo tornou-se mesmo uma grande aldeia. Podemos nos comunicar com pessoas do outro lado do mundo, em questão de segundos.

A Internet e o planeta

Na Terra há diamante, ouro e prata. Há rios de águas límpidas e transparentes, florestas, flores. Há o Belo, mas há também o bicho homem (homem no sentido genérico da palavra). É um bicho imprevisível: às vezes doce, meigo, incapaz de fazer mal ao meio onde vive. Porém, quando quer, torna-se um bicho selvagem, não sabendo pensar além do próprio umbigo. E, nesses momentos, é uma ameaça. E que ameaça! Que todos os outros animais corram, rápido, porque senão o bicho homem pode pegá-los...

A Internet é um reflexo da terra, com tudo que tem de bom e de ruim. Pior: foi feita por aquele bicho.
Aquele bicho ora bondoso e consciente, ora inconsequente, desastroso, com uma cabeça vazia.

As boas e as más vias da Internet

A Internet veio mesmo para transformar o mundo em uma grande aldeia. Uma cidade onde podemos conviver com boas e más companhias. Em boas e más vias. Estas, com todo tipo de armadilha.

As redes sociais

Como em todas as vias da Internet, nas redes sociais pode-se ver um pouco de tudo. É o lugar preferido por pessoas que aprenderam a cuspir, jogar lixo e até se despir nas ruas. É o lugar onde imperam as bobozeiras. Infelizmente, é o lugar preferidos dos jovens. Para se escolher por onde navegar são necessárias horas diante do computador. Quando não se tem tempo para isso, o melhor a fazer é nem mesmo passar pelas ditas redes. Era o que fazíamos. Até sermos convencidos do contrário. Foi conversando com jovens que decidimos entrar e "curtir". Entrar para tentar fazer a diferença. Muitas pessoas, que também podiam "fazer a diferença" têm um certo receio; e com razão. Mas, por que não tentar? Por que não "arregaçar as mangas", exatamente como fazemos para trabalhar? Em prol de nossos jovens, façam isso! Levem um pouco de seus conhecimentos, de suas experiências para as ruas, quer dizer, para as redes sociais. Vamos fazer a diferença, educando e conscientizando? Boa sorte a todos nós.

------------------------