Páginas

Livros de Luísa Nogueira

Letras Falam: Poemas
(Edição ilustrada)

SinopseLetras falam e traduzem sentidos e sentimentos; letras mostram significados escondidos em palavras e em frases de diferentes contextos linguísticos.

Letras sem fios, como um Wi-Fi natural, ligam lugares e seres à nossa imaginação. Conhecemos lugares, montanhas em lugares remotos, castelos, cabanas em matas ou casas humildes em periferias de cidades.
Letras falam. Quem lê ouve o silêncio de letras dizendo palavras de amor, de consolo, de alegria, de felicidade; palavras que falam direto ao coração. Quem lê ouve e vê rios, fontes, cachoeiras, cascatas ou aves voando. Letras falam, mostram, andam, voam. Letras falam contentamentos, mas também relatam tristezas, desilusões, traições, tragédias. Letras sempre me falam. Cochicham, gritam, sorriem, falam com carinho, pegam minhas mãos em viagens inesquecíveis e até me revelam universos desconhecidos. Letras Falam: Poemas te revela mundos diversos. Entre em suas páginas e caminhe com sensibilidade.

Letras Falam: Poemas 

Desconto de lançamento: 
 Por:R$34,50


Letras Falam  Poemas

O livro Letras Falam está dividido em três partes:

Letras Falam sobre a Natureza

Letras Falam sobre o Outro

Letras Falam sobre o Tempo

 Arte da capa do artista plástico Sergio Ricciuto Conte

Ilustrações internas da designer gráfica Nina Cordeiro




Ipês do Cerrado

Quando a chuva faz pirraça

E diz “não vou mais cair”

A terra fica seca e sem graça

As flores dormem sem sorrir

O pássaro a esperança abraça

Em sede tudo parece se esvair

(Estrofe 1 de 3 do poema Ipês do Cerrado)





Mundos sem Mundo

Meio-dia  
Paro no semáforo  
Sol escaldante  
Põe à mostra  
A pequenez humana

(...)

Crianças  
Vendendo balas  
Atiradores de faca  
Entre chamas 
 
Asfalto quente  
Incendiado incinera  
Mortos em vida

(...)

(Trechos do poema Mundos sem Mundo)


Metamorfoses 

No balanço lento do tempo 
Em alguma árvore 
Em alguma folha 
Um casulo 
Metamorfoseado acorda 
Crisálida – ninfa da vida

(Estrofe 1 de 4 do poema Metamorfoses)
Nogueira, Luísa. Letras Falam: Poemas (p. 44). Edição do Kindle. 






Leia o e-book do livro Letras falam pelo Kindle

Compre o e-book do livro Letras Falam: Poemas por um valor simbólico ou leia grátis pelo Kindle aqui

  • Detalhes do e-book:
  • Idioma ‏ : ‎ Português
  • Tamanho do arquivo ‏ : ‎ 5062 KB
  • Quantidade de dispositivos em que é possível ler este eBook ao mesmo tempo ‏ : ‎ Ilimitado
  • Leitura de texto ‏ : ‎ Habilitado
  • Leitor de tela ‏ : ‎ Compatível
  • Configuração de fonte ‏ : ‎ Habilitado

Você pode ler Letras Falam: Poemas no formato digital antes de adquirir o livro impresso. Leia no Kindle, no celular ou no tablet, em: https://www.amazon.com.br/dp/B08R7VHKJR/ref=cm_sw_r_wa_api_glt_N0TR0FFVE4EFRSBZAMSF

_________


Balbúrdias na Quarentena

 Balbúrdias na Quarentena 

Publicação pausada. Aguarde nova edição com atualizações.

Sinopse: Abra este livro e descubra que ele não é apenas para ser lido. Luísa Nogueira, mestra em Linguística Aplicada, vai além da escrita de um livro. A autora traz você para participar e mostra os bastidores da quarentena de duas pessoas, uma delas do grupo de risco, durante a maior crise sanitária do mundo.

E mais: Como será o mundo pós-pandemia? Quais soluções sustentáveis são apontadas por pesquisadores? Veja também sobre a vacina, o avanço da Covid-19, uma mudança de casa em plena pandemia e o diário nada secreto da autora.  
















Leia algumas das primeiras páginas do livro Balbúrdias na Quarentena. Se você gostar, aguarde a segunda edição atualizada.









-----------------------

Acalanto

Sou pássaro e poesia

Sou canto e acalanto




Sinopse: Este livro fala através de uma poesia simples. Ele te pega no colo, embala, acalenta e te incentiva a andar sem te impor limites. Ao mesmo tempo mostra “lá fora”, lembrando que “o tempo é conhecimento”. 
  A autora, Luísa Nogueira, dividiu os poemas de Acalanto em cinco capítulos: Cantos do Acalanto, Embalando com Acalantos, Acalantos no Tempo, Acalantos da Natureza e Cores do Acalanto. Como complemento, presenteia o leitor com textos sobre modos de vida mais equilibrados e sustentáveis, no apêndice Meio Ambiente. Bem-vindo(a) à vida!



Publicação pausada para o e-book

livro físico foi publicado em 2018, pela Amazon. Foi retirado, pela autora, no primeiro semestre de 2021, para ser publicado por uma outra editora. Em breve,  a segunda edição.








Índice do livro 

Acalanto
Sou pássaro e poesia
Sou canto e acalanto












Livros chegando:

1- Letras Falam: Crônicas (Livro pronto, à espera de uma editora)

2- Minha Amiguinha Teca

     Livro infantil com ilustrações de Ana Maria Sena (Livro pronto, à espera de uma editora de livros infantis)




Imagem: Introdução de Minha amiguinha Teca

O final do livro é com a letra de uma música, Canção para Teca, criada pela autora especialmente para a história da cachorrinha filhote Teca.

Acompanha o livro Minha amiguinha Teca um encarte para pais e professores, com sugestões de atividades para crianças de 4 a 7 anos. Há  exercícios orais e atividades com desenhos criados especialmente para o desenvolvimento do raciocínio de crianças nessa faixa etária. A história também desperta a curiosidade de crianças maiores. Para estes há atividades escritas, além de outros exercícios orais e com desenhos. Todas as atividades sugeridas são baseadas na pedagogia voltada à compreensão  da leitura além das palavras. 

 3- Mulheres (in)Dependentes  

O Interior do Brasil em meados do século XX

(Aguarde. Você vai gostar.)

---------------------

Blog - Página inicial: https://www.luisanogueiraautora.com.br/?m=0

Navegue nas páginas deste site: 
1- Home: os posts do blog 
2- Livros de Luísa Nogueira 
3- Vias do Multivias 
4- Via Fotos e Poesia 
5- Sobre Luísa Nogueira 

———————

Sobre a autora

Cursos e carreira profissional

Luísa Nogueira é professora, tendo iniciado sua carreira no magistério ainda adolescente. Fez, como Ensino Médio, o que era chamado de "Escola Normal", depois "Magistério". Desde então, sentiu a responsabilidade se estar diante de salas de aula. No início eram crianças. Ainda na faculdade, em uma Licenciatura em Letras, começa uma nova fase, desta vez com adolescentes em colégios públicos e particulares de Goiânia, entre eles o Colégio Estadual Rui Barbosa (dava aulas no período vespertino) e o Ginásio Municipal de Goiânia (período noturno). Nessa época, geralmente nas férias, fez vários cursos de extensão universitária, cursos dentro e fora de sua área de especialização. Participou de encontros estudantis, congressos e projetos em estados brasileiros e pelo interior de Goiás. Com uma turma de professores e alunos da Aliança Francesa, onde estudava, viajou, em uma excursão de 45 dias, pela África do Norte, em Marrocos – Rabat e seus arredores, e pela Europa - França e Inglaterra. Com seu curso universitário concluído, começou um mestrado com professores da Universidade de São Paulo - USP, em convênio com a Universidade Federal de Goiás - UFG. Era a mais jovem da turma, turma formada na maioria por professores universitários. Não concluiu esse mestrado porque, incentivada por um dos professores, foi estudar na França, tendo feito um Mestrado na Université de la Sorbonne Nouvelle - Paris III, em Linguística Aplicada (Linguística Aplicada ao Ensino de Línguas Estrangeiras).

Prestou concurso para professora de francês em uma escola do governo francês, na Ásia, passando em primeiro lugar. Foi então professora no Instituto Francês de Teerã.

Trabalho de apoio às mães 

Na volta ao Brasil, Luísa Nogueira, como esposa, mãe e profissional, sentiu a necessidade de atuar também como apoiadora de outras mães que, ao mesmo tempo que trabalhavam nos cuidados dos filhos e do lar, tinham uma dupla jornada fora de casa. Criou uma escola em Brasília para atender crianças de 6 a 10 anos, de uma maneira lúdica, com artes, recreação e apoio pedagógico nas tarefas de casa, funcionando, desta forma, como uma ajuda às mães que não podiam ficar com os filhos durante a outra metade do dia. A escola, na W3 Sul, recebeu o nome de Espaço Criativo. O Espaço Criativo foi um dos primeiros centros de apoio pedagógico de Brasília, com artes e recreação e o primeiro a dar aulas de xadrez a seus alunos. Havia, inclusive, cursos como "Fabricação de papel artesanal", "Dobradura de papel" e "Desenho", para alunos, professores e pais interessados.

Atuação como fotógrafa

Fotógrafa amadora e amante da natureza, Luísa Nogueira criou, em 2008, o blog Multivias para postar suas fotos, fazendo delas um incentivo à conservação ambiental. Foi também a criadora e coordenadora do blog coletivo "Terra, aquele abraço". Atualmente nas redes sociais, acredita que podemos mudar conceitos ambientais através da motivação ao amor para com a natureza.

Na escrita

Escreve poesia, crônicas e contos. Em seu livro Acalanto: Sou Pássaro e Poesia Sou Canto e Acalanto, agrupou parte de seus poemas. Desenvolve, atualmente, a Coleção Letras Falam com livros contendo poesia, crônicas e contos. Para crianças escreveu Minha Amiguinha Teca, livro ilustrado, aguardando publicação. Acompanha o livro um encarte para pais e professores, com sugestões de atividades para crianças de 4 a 7 anos.

-----------

Perfil escrito para este blog em 2008:

Sou alguém que ama e preserva a natureza e que gosta de plantar. Se sei muito sobre plantas? Que nada! Sei apenas o essencial para não deixar morrer as que estão à minha volta. Cuido para que o lugar onde vivo não seja degradado, para que animais e plantas continuem existindo. Enquanto existirem existirá vida. Cuidar significa não destruir. Cuidar significa consumir menos. Cuidar é reaproveitar o que já existe, para que não seja necessário retirar mais - do solo e do subsolo. Amo olhar e ver, repassando através de fotos o vivo natural. Compreendo que observar a natureza é andar, é caminhar, é viajar pelos caminhos da criação divina. Portanto, é uma ação sublime, que nos completa. É sublimação. (Luísa N. para o perfil do blog Multivias)

---------

Livros com as datas de publicação

·         Acalanto: Sou Pássaro e Poesia – Sou Canto e Acalanto (2018). Acalanto possui 83 poemas e um apêndice com 14 textos sobre o meio ambiente.

·         Letras Falam: Poemas (2019) Livro 1 da Coleção Letras Falam, com 19 poemas do livro de 2018, uma contribuição ao incentivo à leitura.

·         Letras Falam: Poemas (2020) Versão digital e ilustrada, com o acréscimo de 6 poemas a mais do livro Acalanto, totalizando 25 poemas.

·         Balbúrdias na Quarentena (2021).


Entrevistas dadas por Luísa Nogueira durante o lançamento do livro Balbúrdias na Quarentena

  • Para a Rádio CBN de Goiânia:

https://www.luisanogueiraautora.com.br/2021/05/entrevista-na-cbn.html

  • Entrevista ao vivo para a Rádio Som Maior, de Criciúma, Santa Catarina:

https://www.luisanogueiraautora.com.br/2021/05/isto-e-que-e-uma-boa-entrevista.html

Veja, também, no mesmo post:

  • Entrevista para a BandNews de Goiânia, Goiás:

https://www.luisanogueiraautora.com.br/2021/05/isto-e-que-e-uma-boa-entrevista.html


Destaques na mídia

  • No site Literatura.já, com poema de Luísa Nogueira lido no Youtube, no Spotify e no canal do Literatura.já:

https://www.luisanogueiraautora.com.br/2021/09/certificado-de-reonhecimento-do.html

  • Site MaisGoiás:

https://www.maisgoias.com.br/autora-goiana-lanca-livro-balburdias-na-quarentena-sobre-a-covid-19/

  • Revista Ideias:

https://www.revistaideias.com.br/2021/04/22/dia-do-planeta-terra-e-preciso-promover-a-sustentabilidade/?fbclid=IwAR3Ms_qaSqrCcERLwjUzsh4FiQakHTmty1kbWbkPqaO3XxOOoH0qHS3j6yI

  • Site Cartão de Visitas

https://cartaodevisita.com.br/conteudo/34622/covid-19-e-as-balburdias-na-quarentena?fbclid=IwAR30Hd8PtlfMsMQxnfn-Ew3SvxdC-CRDXj8jC2NW4nL0YP-sEnzRJNy2nw4

  • Site EmCartaz:

http://www.emcartaz.net/literatura/livro-balburdias-na-quarentena-e-um-registro-do-descaso-dos-orgaos-publicos-diante-o-cenario-da-pandemia-da-covid-19/?fbclid=IwAR2Z4qtmq5VagqKJvUZva-FouRxNQ0vewNyC3L-samoEgrH3uD49TAVICxA

  • Agenda Cultural Recife:

https://agendaculturaldorecife.blogspot.com/2021/04/covid-19-e-as-balburdias-na-quarentena.html?m=1&fbclid=IwAR2BiJvvKDXQ1aowBSk0CMOYhIINphCAk4COQBv0Kk1Ygra2Ai62rneWsNc

  • Terceiro Caderno:

https://www.terceirocaderno.com.br/2021/04/em-balburdias-na-quarentena-gioaniense.html?m=1&fbclid=IwAR3TrfvHDL4h0mZcAbA6mWFhLTHWSSkPyXjYYWFVQ58dew8ufN-oMYAEMqw

O Imparcial:

http://www.oimparcialriopomba.com.br/noticia/4976/Dia-do-Planeta-Terra:-e-preciso-promover-a-sustentabilidade?fbclid=IwAR07huW1MSHnhVQkWECgIf-DHw3t6KkKjEmZDK2JrMPLdQFFuGGBitOH6HY

Mega Brasil:

https://portal.megabrasil.com.br/jcc/noticias/ler/2643/dia-do-planeta-terra-e-preciso-promover-a-sustentabilidade?fbclid=IwAR3ukvxeHj5kaz9DbCJKZrcBzpbLfe_LT9XUL_ubyvti3w895C_6HkqxgNQ

  • E em vários sites. Para ver mais, dê um google.


Artigos

  • Viver Direito - Portal Jurídico Viver Direito

https://viverdireito.net/2021/04/22/dia-do-planeta-terra-e-preciso-promover-a-sustentabilidade/

  •  Centro do Professorado Paulista - O Portal do Professor

https://www.cpp.org.br/informacao/ponto-vista/item/16744-dia-do-planeta-terra-e-preciso-promover-a-sustentabilidade

  •  Revista Partes

https://www.partes.com.br/2021/04/22/dia-do-planeta-terra-e-preciso-promover-a-sustentabilidade/

  • Portal luso-brasileiro Splish Splash

https://www.portalsplishsplash.com/2021/04/dia-do-planeta-terra-e-preciso-promover.html

  • E em vários sites e revistas. Veja alguns no post:

https://www.luisanogueiraautora.com.br/2021/04/a-midia-impressa-e-falada-coloca-pouco.htm

———

Você está no celular e quer ver mais sobre o blog? Clique em "Visualizar versão para a web".