Mostrando postagens com marcador Via Natureza. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Via Natureza. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, dezembro 05, 2013

Via Natureza: Arco-íris


Raios de sol 
em gotas de chuva
navegaram

Felizes
numa gangorra de todos os tons
brincaram

-----------------------------------






segunda-feira, setembro 23, 2013

Via Natureza: Plante uma Árvore nesta Primavera



Foto: Fizemos esta foto em Goiânia, quando passávamos em frente ao Jardim Botânico, perto da BR 153. Uma mão aparece como se a imagem sugerisse algo, por exemplo, a proteção das matas,
ou ainda mais, como se estivesse protegendo as árvores. Deve ser o reflexo de minha mão no vidro do carro, segurando a câmera, não sei. Em todo caso, ficou parecendo uma montagem. Foi no final de agosto deste ano. É a primeira foto assim feita por mim, com uma câmera digital, sem nenhuma intenção de fazer uma foto de clique duplo.  Aliás, não tinha nem como, já que é uma mão e uma paisagem. E olha que geralmente faço centenas de fotos por mês. A câmera usada foi uma Sony (dessas para amadores). Uma vez, há muitos anos, em Londres, apareci duas vezes em uma mesma foto. Foi um clique de meu marido, com uma câmera analógica. A câmera era uma Nikon profissional. Talvez sem pensar ele tenha dado dois cliques, apesar da câmera não possuir recurso para essa finalidade - se isso for possível. A foto está em meu perfil do Facebook, em uma das imagens de capa. O processo parece ter

segunda-feira, agosto 26, 2013

Via Natureza: Uma Casa para o Rouxinol

Rouxinol fêmea levando alimento para seus filhotes. Nasceram dois. Podemos ver, através da porta, as asinhas já formadas.

Procurando uma casinha para pássaros, compramos uma de barro na Feira de Artesanato de Abadiânia, em uma de nossas muitas passagens por lá, a caminho de Goiânia. Confesso que não gostei de seu formato, mas foi a única que encontramos naquela época e também por nos informarem que atrairia tipos diferentes de pássaros. Com cuidado a penduramos em um canto do jardim, entre algumas dracenas. Três ou quatro anos se passaram e nada de passarinhos se aproximarem da geringonça que mais parecia uma daquelas abóboras que nos mostram nas fotos de Halloween. Pensei que aquilo poderia estar assustando os pássaros e prometi a mim mesma retirá-la dali. Mas, antes que isso fosse feito vimos que sabiás estavam levando pedacinhos de palha para dentro dela. E não é que fizeram um ninho na casinha de boca e olhos? Ou melhor dizendo, de porta e janelas? Desde então já perdemos a conta de quantos pássaros já a habitaram. Nestes últimos anos tem servido de casa de temporada para casais de rouxinóis que desejam aumentar sua prole. Seus gorjeios nos alegram e nos fazem sonhar. Não por acaso o rouxinol é a ave símbolo dos poetas. A casa para passarinhos nos mostrou que as aparências podem enganar, sim. Para nossa alegria, ela atraiu sabiás, rouxinóis e outros pássaros que precisavam de um abrigo seguro. Em abril deste ano decidimos registrar alguns momentos de idas e vindas de uma mamãe rouxinol, conforme mostram as fotos. Disse mamãe porque, segundo os ornitólogos, é a fêmea que fica encarregada da alimentação dos pequenos. Se observarmos bem a primeira foto, no bico do pássaro que está sobre o telhado tem um inseto. Logo, deve ser uma fêmea. O rouxinol macho trabalha antes, fazendo o ninho que irá abrigar seus futuros filhotes. Ainda de acordo com esses especialistas, os rouxinóis são aves migratórias. Nosso jardim é apenas um pouso temporário para eles. Ficamos imaginando de onde vêm e para onde vão nossos pequenos viajantes.        








-------------------------------------

quarta-feira, agosto 21, 2013

Via Natureza: Lua Cheia



Essa foi a lua cheia de ontem, dia 20 de agosto. Brincando atrás de uma pitangueira, fizemos alguns cliques. Confira o resultado e divirta-se descobrindo as figuras formadas.






---------------------

Fizemos também algumas fotos da lua minguante. Confira em Lua Minguante.

------------------------------------------

sexta-feira, agosto 16, 2013

Via Natureza: Imagens Daqui e Dali (4 de 4)


Quaresmeira sob o céu azul de Brasília

Samambaia

Vinca ou boa-noite

Trepadeira que encontramos na calçada de uma casa nas proximidades de onde moramos. Alguém sabe seu nome?

Flores de um arbusto popularmente conhecido como espirradeira. Família das apocináceas. Seu nome científico: Nerium oleander L. Apesar de ser uma planta tóxica, é bastante utilizada para enfeitar praças e jardins. Recomenda-se não plantá-lo em lugares por onde passam crianças e animais domésticos. 

Dália (Notou o pequeno inseto?) 

Tumbérgia-azul (Família das acantáceas. Thunbergia grandiflora).

Ipê branco de agosto enfrentando nosso clima seco

Angico do cerrado. No inverno ele perde todas suas pequenas folhas. Enquanto se renova, aparecem quase ao mesmo tempo cachos e mais cachos de minúsculas flores.*
O olhar do Lulu

---------------

*Veja também: Angico - As primeiras flores deste ano, Angico - Tronco e Angico - Folhas.

---------------------------------

quinta-feira, agosto 15, 2013

Via Natureza: Imagens Daqui e Dali (3 de 4)

Escova-de-garrafa

Agave

Banana-de-macaco

Guarda-chuva sob guarda-chuva - Qual é o nome dessa árvore?

Emaranhado de galhos secos na seca do cerrado

Cinerária

Begônia

Árvore do cerrado - Você sabe seu nome?

Enfeites de jardim

-------------------------------

segunda-feira, agosto 12, 2013

Via Natureza: Imagens Daqui e Dali (2 de 4)

Carinha mimosa de uma moréia branca (dietes). 
Libélula na erva-cidreira

Grilo na sombrinha-chinesa

Pássaro se refrescando

Cigarra - Depois de cantar, abandono minha casca-casa.

Jacas
Azaléia

------------------------------

sexta-feira, agosto 09, 2013

Via Natureza: Imagens Daqui e Dali (1 de 4)


Inseto colorido

A série Imagens Daqui e Dali pretende mostrar algumas fotos selecionadas ente centenas de outras que fizemos nestes últimos quarenta dias. Tentamos mostrar imagens diversificadas da natureza. Em cada uma delas veja também nosso carinhoso agradecimento. Apesar deste blog ter permanecido algum tempo sem postagens, nossos visitantes não o abandonaram. Obrigada pelo carinho e confiança.    
Casas de joão-de-barro 



Encontro da natureza no girassol

Corujas - Todos os anos elas aparecem em nosso jardim e ficam no alto de uma moita de areca-bambu. Como são aves noturnas, passam o dia todo dormindo. 

Flores do sabugueiro
Alpínias
Alpínia rosa

-------------------------

quarta-feira, agosto 07, 2013

Via Natureza: Lírios no Cerrado




Os lírios não nascem só em terras férteis ou nos campos. Suas vestes majestosas, como são descritos em textos bíblicos, podem estar também em terras secas e em plena seca do planalto central, um dos locais mais secos de nosso país. É o que nos dizem esses lírios clicados por nós. Que vivam os lírios.

------------------------------       

domingo, março 31, 2013

Via Natureza: Flores da Aboboreira



Que a abóbora é um legume rico, nutricionalmente falando, acho que todos sabem. Suas sementes também são muito utilizadas. Agora, que suas flores são boas para nossa alimentação, poucos sabem. Eu pelo menos não sabia. Pesquisando sobre a abóbora descobri receitas feitas com essas flores amarelinhas. Até sucos.

As flores das fotos encontrei em um lote vazio no meio do mato. Chamavam a atenção por sua beleza. Amarelas com o centro laranja, aveludadas e parecendo trabalhadas como esses tecidos amassados tão em moda.

Feliz Páscoa com flores dos jardins, das hortas e até mesmo dos matos - as mais belas e naturais.

--------------------------------------